Historia Infantil Evangelica | Biblica
Tino e Toni - Historia Evangelica Infantil | Biblica
 

Tino e Toni em: 

O Ladrão que foi Roubado

Tino e Toni em:   O Ladrão que foi Roubado

Olá pessoal, gostaria de lhes falar mais uma história de nossa dupla querida: Tino e Toni; que dessa vez receberam um grande livramento da parte do Senhor, se você quer saber como aconteceu somente continue na leitura pois verá que Deus cuida muito bem daqueles que lhe pertencem. 

 Lá estavam os dois, como sempre só nas brincadeiras e diversões, nessa fase é muito importante que elas se divirtam bastante, para que tenham uma vida saudável e muito boa, e como eles ainda eram crianças não perdiam uma, sempre quando tinham uma oportunidade se divertiam e estavam continuamente contentes no Senhor, mas naquele dia iria acontecer algo inesperado que eles nem imaginavam, foi então que a mãe de Tino e Toni disse:

—Filhos, eu vou ao mercado e já volto, então não façam bagunça. Entendido?

— "Há, aproveita e compra uma bolacha pra mim e pro Toni", respondeu Tino, pois eles gostavam muito disso. 

—Tá, mas eu quero voltar e encontrar a casa organizada, senão não vão ganhar bolacha nenhuma.

 E lá se foi ela após se despedirem, tranquilamente, confiando que eles se comportariam,  e como Deus queria operar fez a nossa dupla sentir que deveriam sair daquela casa e ir atrás dela, pois sem querer ela deixou o dinheiro para as compras cair na rua e nem tinha percebido e como eles eram obedientes imediatamente foram correndo atrás de sua mãe após terem visto o dinheiro no chão, mas nem perceberam que deixaram a porta aberta, sem ninguém lá dentro para cuidar daquela casa.

 E um ladrão que estava do outro lado da rua escondido, ao perceber o que eles  sem querer fizeram, imediatamente decidiu entrar para roubar, mas não percebeu que haviam anjos espirituais naquele lugar, que estavam vigiando aquela casa; assim como a Bíblia diz que nada adianta o sentinela vigiar se Deus não guardar a cidade, e como aquela família que morava ali era cristã o Senhor já havia estendido suas mãos para operar. 

   Aquele homem, foi entrando no terreno quando um cachorro vem latindo para lhe morder, e ele com medo, sai correndo dali, mas ainda não desiste de roubar, e tem uma ideia; ele de longe entrega um pouco de comida que tinha no bolso para o cão, que eram umas bolachas, e aquele animal distraidamente come e ele entra para dentro e começa a pegar tudo o que podia levar colocando dentro de um saco que tinha achado ali dentro, e depois de não caber mais nada, decide sair; mas o cachorro após comer ainda queria pega-lo, e ele havia fechado a porta para aquela cadela não entrar; e  como não conseguia ir embora por ali, pulou a janela que dava acesso a um muro e por ali foi andando até que conseguiu sair daquele lugar, e quando terminou ele estava muito contente e nem imaginava o que iria acontecer.

 Aquele Ladrão saiu correndo, quando derrepente um homem de carro o para, e lhe diz:

—"Passa tudo senão você morre"

 E como ele era medroso, entregou aquele enorme saco para o ladrão 2 que estava dentro do carro, e naquela hora sentiu uma grande tristeza, mas ele pensou que quando o rapaz fosse embora sairia correndo atrás dele para ver se conseguia recuperar aquelas coisas, e  quando o homem saiu desesperadamente a uma alta velocidade, ele tentou o alcançar mas não conseguiu por que ele estava muito rápido; mas de longe avistou que ele havia batido de frente com um poste, e que de seu carro saia uma fumaça preta, e naquela memento o Ladrão 1 disse:

—"Agora é minha hora, vou correr e pegar tudo"  

 E foi isso que ele fez; ou tentou fazer, pois quando estava indo, viu quem estava lá, e por mais interessante que seja era a nossa dupla Tino e Toni, que viram o carro batido e foram ajudar o ladrão que estava lá dentro muito  machucado, eles nem sabiam quem ele era mas como diz o ditado: "Fazer o bem sem ver a quem", ou seja a todos, e quando o Ladrão 1 viu os dois levou um gelo na barriga, e desesperadamente saiu correndo pensando que eles haviam descobrido o que tinha acontecido e iam chamar a polícia, pois é, ele era muito medroso,  mas não foi isso que aconteceu, quando eles tiraram o rapaz do carro perceberam um saco preto dentro e tentaram tira-lo para ver o que tinha dentro, e naquele instante levaram um susto e perceberam que eram as coisas da casa deles, e disseram. 

—Mas isso aqui não é nosso, lá de casa?

—Parece, mas vai ver que não é, respondeu Tino.

—Não sei, mas vamos ficar atentos vai lá saber né? Disse Toni.

 E aquele Ladrão que estava deitado no chão esperando a ambulância que eles tinham chamado, ouviu a conversa de nossa dupla e com um grande medo pensou:

 " Nossa eu acho que esses dois, são filhos daquele homem que eu roubei, a não, agora é perigoso que eles chamem a polícia, mas antes que isto aconteça, eu vou tentar sair correndo mesmo machucado"

 E tentou mesmo, mas não conseguiu, quando a ambulância chegou o ponharam dentro da vã e ele disse, tentando se livrar de ser preso que Tino e Toni ficassem com aquelas coisas por terem o ajudado, e eles aceitaram e depois daquele dia o Ladrão 1 nunca mais quis roubar pois viu que ser roubado é muito ruim, e o 2 aprendeu uma grande lição que aquilo que se planta também se cole, e nossa dupla voltaram muita felizes para sua casa com sua mãe e quando chegaram lá concluirão que a casa tinha sido roubada mas Deus devolveu para eles o que o inimigo tinha e tirado e a nossa dupla puderam se deliciar com um belo pacote de bolacha recheada que a mãe deles havia comprado.

 Bem pessoal aqui termina nossa história, espero que vocês tenham gostado, e aguardem que logo o Senhor conforme a sua vontade irá preparar mais, fiquem com Deus e até a próxima.   

       

    

 


Yeshua Arts Graficas - On-Line
Yeshua Arts Graficas - Grafica Curitiba - CNPJ: 16.742.001/0001-41
Desenvolvedor